Vamos juntos comprar seu imóvel em Franca?

Receba uma consultoria e simule o seu financiamento.

INICIAR CONSULTORIA

Conheça um pouco sobre os tipos de financiamento imobiliário

Nessa página, reunimos as principais informações sobre os principais tipos de financiamento imobiliário e sistemas de pagamento. Confira!



Comprometimento de renda

Para começar, vamos lembrar sobre o comprometimento de renda: as parcelas de um financiamento imobiliário não devem comprometer mais do que 30% da sua renda.



Principais tipos de financiamento imobiliário


Sistema Financeiro de Habitação (SFH)

Para financiar imóveis residenciais de até R$ 1,5 milhão, com juros de até 12% ao ano. Os fundos são provenientes do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) e do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Para financiar um imóvel pelo SFH, você pode ter algumas ajudas:

Financiamento por composição de renda

Você pode somar a sua renda à de outro familiar para conseguir score para financiar um imóvel com valor maior.

FGTS

Pode ser usado para pagar parte da construção, compra, amortização, ou parte do valor das prestações do financiamento.

Minha Casa Minha Vida

Programa do Governo Federal com finalidade de ajudar o brasileiro de classe média e baixa a conquistar a primeira casa própria. O programa oferece subsídio, além de taxas e juros menores.

Sistema Financeiro Imobiliário (SFI)

Para financiar qualquer tipo de imóvel ou imóveis residenciais acima de R$ 1,5 milhão, não inclusos no SFH. Nesse tipo de financiamento imobiliário, não há um limite de renda comprometida. Ou seja, você pode pagar parcelas mais altas e quitar o financiamento em menos tempo. Porém, se você deseja usar o seu FGTS, no SFI não é possível. A taxa de juros máxima é de 12% ao ano e o fundo é proveniente do Mercado de Capitais.



Principais Sistemas de Amortização


Além do tipo de financiamento, ao financiar um imóvel, é preciso escolher o sistema de amortização, ou seja, a forma em que serão pagos os juros e o valor real do imóvel até que o financiamento esteja quitado.

Tabela Price

As parcelas possuem um valor fixo, com o cálculo dos juros já embutidos. Ou seja, para que as parcelas tenham sempre o mesmo valor, a composição das parcelas é dividida da seguinte forma: o pagamento do valor real do imóvel começa menor e vai aumentando com o tempo, enquanto os juros começam maiores e vão diminuindo com o tempo.

Sistema de Amortização Constante (SAC)

Na amortização constante, a composição das parcelas é dividida da seguinte forma: o pagamento do valor real do imóvel é sempre o mesmo, mas o valor dos juros não, ele inicia maior e vai decrescendo ao longo do pagamento. Ou seja, as primeiras parcelas são mais caras e vão ficando mais baratas com o tempo.

Faça a sua consultoria de financiamento com a Parra Imobiliária

Cadastre-se e, em seguida, um de nossos consultores acionará as instituições financeiras e consultará as possibilidades de crédito condizentes com seu perfil bancário. A partir deste contato, recebemos e apresentamos as propostas. Vamos começar?